TRANSCRIÇÃO

Hi there, Steve Kaufmann here. Today is the second in this series of short videos about Stephen Covey’s 7 Habits of Highly Effective People. His second habit was what he calls ‘Begin With the End in Mind.’ This is very important. I’ll give you an example.

I had a meeting with about 50 Chinese immigrants, here in Vancouver, who were complaining about the difficulty that they had in speaking English. And, they claimed that they could read, perhaps didn’t understand quite as well when they were listening, but they had real trouble saying something. My question to them is: What is their vision of what they would like to be able to do in English? If their vision of what they want to do in English is to be able to, when suddenly confronted with an English-speaking person is to be able to say something in English.

I should point out that these were housewives, wives of wealthy Chinese immigrants who don’t have much interaction with Canadian society, but then when they are confronted with the need to speak English, of course, can’t do so. I said, what’s your goal and they weren’t really clear. I said that if I were you, if I had immigrated to another country, my goal, because I’m an adult and I can communicate as an adult in my own language, my goal in this new language, especially if I’m living there, is to be able to communicate as an adult in the new language therefore on a wide range of subjects without struggling, without seeming to be foolish. That’s the goal.

You have to have a clear idea of that goal. If you have a clear idea of that goal you will achieve it. If you don’t have a clear idea of that goal, if you think you’re just going to learn some words and try and learn some grammar rules and then you wonder why you can’t communicate properly you will probably not succeed. I always make the case if you don’t know where the top of the mountain is, if you can’t visualize yourself reaching the top of the mountain you probably won’t make it to the top of the mountain.

So I think the second of Covey’s habits, is this habit of saying, insofar as language learning is concerned, here’s what I want to achieve. I can visualize myself achieving this and, therefore, I will work as hard as I can to achieve it.

So that is habit number two. Thank you for listening, bye for now.

TRADUÇÃO

Olá, Steve Kaufmann aqui. Hoje é o segundo desta série de vídeos curtos sobre os 7 hábitos das pessoas altamente eficazes de Stephen Covey. Seu segundo hábito era o que ele chama de ‘Comece com o fim em mente’. Isso é muito importante. Vou te dar um exemplo.

Tive uma reunião com cerca de 50 imigrantes chineses, aqui em Vancouver, que estavam reclamando da dificuldade que tinham para falar inglês. E, eles alegaram que podiam ler, talvez não entendessem tão bem quando estavam ouvindo, mas eles tinham problemas reais para dizer algo. Minha pergunta para eles é: Qual é a visão deles sobre o que gostariam de fazer em inglês? Se a visão deles do que eles querem fazer em inglês é ser capaz, quando de repente se deparam com uma pessoa que fala inglês é ser capaz de dizer algo em inglês.

Devo salientar que se tratava de donas de casa, esposas de imigrantes chineses ricos que não têm muita interação com a sociedade canadense, mas, quando são confrontadas com a necessidade de falar inglês, é claro, não conseguem. Eu disse, qual é o seu objetivo e eles não foram muito claros. Eu disse que se eu fosse você, se tivesse imigrado para outro país, meu objetivo, porque sou um adulto e posso me comunicar como adulto na minha própria língua, meu objetivo neste novo idioma, principalmente se estou morando lá, é ser capaz de se comunicar como um adulto na nova língua, portanto, em uma ampla gama de assuntos sem esforço, sem parecer tolo. Esse é o objetivo.

Você tem que ter uma ideia clara desse objetivo. Se você tiver uma ideia clara desse objetivo, você o alcançará. Se você não tem uma ideia clara desse objetivo, se pensa que só vai aprender algumas palavras e tentar aprender algumas regras gramaticais e então se pergunta por que não consegue se comunicar corretamente, provavelmente não terá sucesso. Eu sempre defendo se você não sabe onde fica o topo da montanha, se você não consegue se visualizar alcançando o topo da montanha, provavelmente não conseguirá chegar ao topo da montanha.

Então, eu acho que o segundo dos hábitos de Covey, é o hábito de dizer, no que diz respeito ao aprendizado de línguas, aqui está o que eu quero alcançar. Posso me visualizar conseguindo isso e, portanto, vou trabalhar o máximo que puder para alcançá-lo.

Então esse é o hábito número dois. Obrigado por ouvir, tchau por enquanto.

← Voltar para avançado