TRANSCRIÇÃO

One question is: how are happiness and habits related? And I’ve been researching and writing and thinking and talking to people about happiness for years. And what I started to notice was that habits play a really important role in happiness. Because a lot of times when I would talk to people, there was some big happiness challenge in their life that I realize was actually related to some core habit.

And it wasn’t that they didn’t think or know that if they got more sleep, they’d feel better, or that if they didn’t spend so much time on the Internet during work, they’d be more productive, or whatever. They had identified the change that they wanted to make, but for some reason they weren’t able to stick to that change. They weren’t able to make that change happen no matter how much they wanted to.

They could see that there was a happiness gain out there, but they weren’t able to translate it into action. And that got me very focused on the issue of habit change. So, how is it that we specifically change a habit so that we can make these desires, these aims that are so pressing in our lives – how can we translate it into real action, real change in our everyday lives?

Because the fact is, you know, for most of us there’s a lot of low-hanging fruit. There’s a lot of things – just part of our ordinary day – things that don’t take a lot of time, energy, or money that if we could do them, they would make us happier. Well we really have to get ourselves to actually follow through.

And so that’s where habits come into play, because habits are the thing that allow you to make those changes and just put them on automatic pilot. They’re just part of your everyday life and they make you happier.

TRADUÇÃO

Uma pergunta é: como a felicidade e os hábitos estão relacionados? E estive pesquisando, escrevendo, pensando e conversando com as pessoas sobre felicidade por anos. E o que comecei a notar é que os hábitos desempenham um papel muito importante na felicidade. Porque muitas vezes, quando eu falava com as pessoas, havia um grande desafio para a felicidade em suas vidas que eu percebi que estava na verdade relacionado a algum hábito essencial.

E não é que eles não pensassem ou soubessem que se dormissem mais, se sentiriam melhor, ou que se não passassem tanto tempo na Internet durante o trabalho, seriam mais produtivos, como queiras. Eles identificaram a mudança que queriam fazer, mas por algum motivo não foram capazes de manter essa mudança. Eles não foram capazes de fazer essa mudança acontecer, não importa o quanto eles quisessem.

Eles puderam ver que havia um ganho de felicidade lá fora, mas não foram capazes de traduzi-lo em ação. E isso me deixou muito focado na questão da mudança de hábito. Então, como é que mudamos especificamente um hábito para que possamos realizar esses desejos, esses objetivos que são tão urgentes em nossas vidas – como podemos traduzi-los em ação real, mudança real em nossa vida cotidiana?

Porque o fato é, você sabe, para a maioria de nós, há muitas frutas ao alcance da mão. Há muitas coisas – apenas parte do nosso dia normal – coisas que não consomem muito tempo, energia ou dinheiro que, se pudéssemos fazer, elas nos deixariam mais felizes. Bem, realmente temos que nos esforçar para realmente seguir em frente.

E é aí que os hábitos entram em jogo, porque os hábitos são o que permitem que você faça essas mudanças e apenas coloque-os no piloto automático. Eles fazem parte da sua vida cotidiana e o tornam mais feliz.

← Voltar para avançado