TRANSCRIÇÃO

So there’s this great line about music that says that “Music is proof that the human race is greater than it knows.” You know that feeling when you hear a transcendent symphony and you get the goosebumps? And you’re moved to tears? And you experience that kind of cognitive emotional ecstasy? It’s music’s capacity to communicate the ineffable, the inexpressible.

It’s this urge to language that human beings have. And when crude words don’t work, we have to translate it into symphony. And these temporary ecstasies that we instrument into existence need to be recorded.

And our innovations with recording music are even more transcendent. What started as etching grooves on an LP, patterning the sound, instantiating it into physical form so that it could be played back has evolved now into a world of binary digital information, ecstasies beamed from brain to brain, for someone’s heart to someone else’s.

This is music. And indeed, that line is spot on, proof the human race is greater than it knows.

TRADUÇÃO

Portanto, há uma ótima frase sobre música que diz que “A música é a prova de que a raça humana é maior do que imagina.” Você conhece aquela sensação quando ouve uma sinfonia transcendente e fica arrepiado? E você está comovido até as lágrimas? E você experimenta esse tipo de êxtase emocional cognitivo? É a capacidade da música de comunicar o inefável, o inexprimível.

É esse desejo de linguagem que os seres humanos têm. E quando palavras grosseiras não funcionam, temos que traduzi-las em uma sinfonia. E esses êxtases temporários que criamos precisam ser registrados.

E nossas inovações com gravação de música são ainda mais transcendentes. O que começou como gravar grooves em um LP, padronizando o som, instanciando-o na forma física para que pudesse ser reproduzido, evoluiu agora para um mundo de informações digitais binárias, êxtases irradiados de cérebro para cérebro, do coração de alguém para o de outra pessoa.

Isso é musica. E, de fato, essa linha está correta, a prova de que a raça humana é maior do que imagina.

← Voltar para avançado